terça-feira, 28 de maio de 2013

Santo Colomba

Alameda Lorena, 1157 - Jardins
Sabe o que mais gosto no Santo Colomba? É a maneira de como somos recebidos.  À primeira vista, pode  parecer muito sério, contudo o restaurante é agradável, confortável, bem decorado, boa comida. São apenas 35 anos de história!
"Lá pelas tantas", chega ao salão o simpático chef Sr. Alencar (José Alencar de Souza), dono do restaurante, para cumprimentar a todos mesa por mesa. "Di Montichiari", leia-se: Montes Claros nas Minas Gerais!
Oque me chamou a atenção foi o perfil dos frequentadores: Muitas famílias; avós com netos já adultos, "casais bem coroas...". São pessoas que estão sempre por ali, e não gostam de mudanças. Sabe aquele povo que frequenta o mesmo lugar entra ano e sai ano? É a impressão que ficou.
Um piano ao fundo com uma atmosfera nostálgica; talvez seja pela própria história da decor que veio do "bar do Jockey Club do Rio de Janeiro", e a sua frequência.
Informação:
 Só aceita Dinheiro ou Cheque. Aconselho fazer a reserva. Achamos um restaurante em que as pessoas chegam cedo para o almoço nos finais de semana.
Vamos entrar?
O piano
Lindos painéis de madeira com azulejos portugueses
O Bar
Condecorado
 Entrada - Esse pão é delicioso!
Carpaccio de Salmone fresco
Bolinho de bacalhau
(foi cortesia)
 Cordeiro cozido com alecrim, bacon, alho, vinho branco; acompanhado com Trenette.
O cordeiro é sensacional; saboroso, macio. Tem um sabor bem forte devido aos ingredientes do preparo.
Trenette (variação achatada do spaghetti fresco) Santo Colomba
Massa fresca com camarões, lula, polvo, vôngole e tomate fresco.
Delícia! É bastante pedido na casa, R$48,00.
Minha filha pediu o que queria, e o Sr. Alencar fez.
Estava delicioso; Trenette com o molho a base de creme de leite fresco e camarão.
Muito bom!
Trenette Pomodoro Básilico
 Aqui um repeteco do Cordeiro
Com arroz de rúcula e batatas
Todas as massas servidas no restaurante são feitas lá mesmo.
 Sobremesa
 Perfecto de Limão (pavê gelado)
 Tiramissu
Torta de Chocolate
Boa, mas não pediria outra vez; o marido gostou!
Obrigada e Deus abençoe.

Nenhum comentário: