terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Festa da Uva | Caxias do Sul | RS II

É o maior evento comunitário do Sul do país ( Revista Viajante Marcopolo), acontece a cada dois anos no Parque Bernardino Ramos (Parque de Eventos Festa da Uva).
A Festa da Uva remonta aos inícios da colonização italiana no Rio Grande do Sul. Entre os primeiros imigrantes era hábito uma certa reverência à terra e à colheita, como elo de ligação entre as pessoas e como respeito pela dádiva do alimento. Em cada travessão, os primeiros núcleos de casas e plantações, realizavam-se comemorações por ocasião da colheita da uva e de outros produtos da terra.
Tem patrocínio máster do Banrisul – Governo do Estado do Rio Grande do Sul, Bradesco e Prefeitura Municipal de Caxias do Sul, e patrocínio da Colombo, Cadence, Cielo, Eletrobrás, Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, Petrobrás, Randon, TIM e Unimed Nordeste.
www.festanacionaldauva.com.br
Tema: Uva, Cor, Ação! A safra da vida na magia das cores, a Festa da Uva de 2012, de 16 de fevereiro a 4 de março
Tudo começou com uma discreta exposição de uvas para comemorar a vindima de 1931.
Passadas oito décadas, a Festa Nacional da Uva é o maior evento comunitário do Sul do país e atrai para Caxias do Sul quase 1 milhão de visitantes.
 Na edição de 2012, o evento faz uma homenagem à primeira transmissão em cores do país e ao ano da Itália no Brasil.
Entrada do estacionamento
Bilheteria
A Rainha Roberta Veber Toscan, 23 anos de idade, foi escolhida entre 25 candidatas
Com as Princesas Aline Casagrande e Roberta Zanette
Três enormes pavilhões
As atrações incluem comida típica, esportes, artesanatos, dança, teatro e música distribuídas em diversos pontos do parque, como nas Réplicas, pavilhões, salão da igreja, além dos palcos oficiais. Os shows nacionais por sua vez, ocupam o Espaço Multicultural, com a capacidade para 25 mil pessoas.
Também tem o desfile de carros alegóricos pelas ruas da cidade, que infelizmente não vimos. 
A estrela da Festa!
A Uva representa uma das culturas mais importante de Caxias do Sul e da região.
O cultivo da fruta continua proporcionando e desenvolvimento sociocultural e impulsionando a economia de muitas cidades na Serra Gaúcha.
Eita gente para gostar de comer uma uva viu?  "Está no sangue!"
Exposição especial numa área temática que também conta parte da história dessa edição.
Para escolher os melhores frutos, a comissão julgadora analisou os 320 produtores inscritos no concurso. Foram 27 expositores premiados com uma viagem para a Região Vitivinícola de Mendoza (Argentina) e Chile. A comissão observou o padrão varietal e comercial que a variedade se destina, sanidade, uniformidade de maturação e de tamanho das bagas e ausência de resíduos e impurezas. No caso dos conjuntos, além destes critérios, foi avaliado o efeito visual, a distribuição espacial dos cachos no painel e a facilidade de localização das variedades.

Exposição
(Tinha muitas TVs de várias épocas).
Telefones
Já tinha ouvido falar do Croasonho por sobrinhos; Massa crocante e recheio delicioso.
Me disseram que vão abrir esse ano no bairro de Moema em São Paulo.
É um sucesso!
"Anjos da Esperança"
 Marcopolo  - Uma das Empresas em destaque da comemoração
 Presença constante desde 1958 e apoiadora da festa
Veículo articulado
Este em exposição, "o maior ônibus do mundo"
Bah! Mas é muito grande!
Comércio fervendo na Festa
Elevador
Tramontina - "A cara do Sul"
A Feira Agroindustrial - Outro destaque dos 18 dias de festa, mostrando a força de trabalho do município.
Comida típica - Coisas da Colônia
Sucos e Geleias
 Amendoim com mel e rapadura
Segundo pavilhão
Unimed
Apresentações
Vestuários, calçados... Chimarrão, leia-se "Chimarão!"
Hora da degustação - Os visitantes tem a oportunidade de provar a uva in natura, distribuídas pelos produtores caxienses. A previsão é que sejam consumidos cerca de 250 mil quilos de uvas neste ano.
Bom demais!
  Mirante
Hora de parar um pouco para apreciar o lugar e a delícia da uva!
Monumento Jesus Terceiro Milênio - Inaugurado em 2004 o busto com 21 metros de altura em argamassa armada, é obra do escultor caxiense Bruno Segalla.
Próximo pavilhão - Preparação para foto!
Bijouxs
Mostra de outras festas
Exposição de Fotos
Vestido de prenda
Jaquetas de couro -  "Mãe, quero todas as cores!"
Música típica da região
 Praça de Alimentação
"Pela Festa"
O lugar é grande,  tem que andar muito. Para as crianças, tem parque de divesão.
Vamos ver as réplicas 
Passando pelo Memorial - Espaço que abriga quadros dos ex-presidentes, cartazes, fotografias de rainhas, princesas e desenhos do artista Darvin Gazzana.
Réplicas
Conjunto arquitetônico com 20 casas de madeira, incluindo igreja e coreto, reproduzindo a Av. Julio de Castilhos e a Rua Dr. Montaury da época da colonização. A Réplica foi montada em 1978, no Parque da Festa da Uva.
Vista parcial da Réplica da antiga colônia de Caxias do Sul
Venda
Museu da Água
Exposição de hidrômetros antigos, maquetes das barragens de Caxias do Sul, bombas antigas e fotos.
Museu do Comércio
O espaço, que está localizado na casa 9, abriga muitos objetos, roupas e mobiliários, representando um típico armazém dos secos e molhados no final do século 19, época da colonização italiana.
Está lá, para quem se interessar, saber sobre a história do Comércio em Caxias do Sul.
Apresentação artística da personagem  "D. Bastiana", no Museu do Comércio
Rainha, princesas, e as embaixatrizes da Festa da Uva.
Museu do Lixo - Casa 8
É composto por objetos antigos doados ou resgatados do lixo por colaboradores da CODECA (companhia de desenvolvimento de Caxias do Sul). Entre eles estão utensílios usados por agricultores, móveis, aparelhos de rádio e TV, fotos, livros, e até telefones celulares considerados abisoletos. Nas paredes, painéis contam a história de 35 anos da CODECA, do tratamento e destinação do lixo em Caxias do Sul.
Araucárias 
"Ouvi falar que a Prefeitura gastou R$ 50.000,00 em mudas"
Saída
Estacionamento
Impressões: 
 Notei um certo ar o orgulho dos caxienses com o evento; a alegria de ter uma festa desse porte; de mostrar os seus produtos e festejar a uva.
O que eu achei? Foi bom ter conhecido e ponto final.
O que minha filha disse? - "Não gostei do crepe" rs...
O meu marido já havia ido em uma festa da uva na década de 80.  O que ele disse?
"Ficou igual a todas as Festas e Feiras que minimizam o foco temático priorizando o comercial.
O que mais valeu nesta festa?
Primeiro,  não estávamos  nem pensando em viajar, nem imaginei ir para Caxias mas Deus nos levou. (Ele está sempre nos faz surpresas. Então, isso significa que, estávamos na direção dEle; com minha família que eu amo demais, e com amigos que o próprio Deus marcou o encontro!
Para quem quiser ir, corre que é até o dia 4 de março, e para quem não foi, agora só em 2014.
Deus é Fiel!
Deus abençoe.